Diversão, brincadeiras e apresentações das escolas marcam a Feira Literária de Iguaba Grande

Durante dois dias os alunos das redes pública e privada de ensino apresentaram atividades preparadas no retorno do ano letivo

A Feira Literária de Iguaba Grande (FLIG), nesta sexta-feira e sábado, dias 12 e 13 de agosto, reuniu os alunos, professores, comunidade escolar e responsáveis em um ambiente de muita diversão, música e literatura.

No espaço montando na nova praça da Estação, os alunos das 15 escolas da rede municipal de ensino e, também, da rede privada, apresentaram atividades preparadas no retorno do ano letivo. Cada escola ganhou um estande onde foram expostos trabalhos realizados nas salas de aula, como atividades complementares.

Uma novidade na FLIG desse ano foram as fliguinhas, moeda criada para incentivar os, mais de, 4.500 alunos a adquirem livros no pavilhão literário, foram mais de dois mil exemplares, de várias editoras, disponibilizados. Cada aluno ganhou 35 fliguinhas. Segundo a secretaria de Educação, até às 14h de sábado, 60% de fliguinhas foram retiradas pelos alunos. As moedas que não foram retiradas serão revertidas em livros para todas as escolas do município.

Em visita aos estandes, o prefeito Vantoil Martins falou da alegria em preparar uma estrutura para a valorização da literatura.

“Meu coração se enche de alegria em observar a quantidade de crianças escolhendo livros ou se apresentando com as escolas. Acredito que muitos escritores podem sair dessa iniciativa. Nosso papel como gestor e, também, como pai é estimular nossas crianças a leitura e a cultura através das páginas dos livros”, pontuou Vantoil.

No pavilhão literário, autores apresentaram suas obras para os visitantes. “Que estrutura linda para homenagear e engrandecer os livros e a literatura em geral. É muito maravilhoso ver a quantidade de crianças aqui escolhendo um livro, vendo as apresentações e entrando nesse mundo tão maravilhoso que é a viagem através das páginas dos livros”. Disse a escritora Tânia Vidal.

Buscando a valorização dos escritores locais, a secretaria de Educação criou um espaço para a Academia de Artes, Ciências e Letras de Iguaba Grande (AACLIG). Os membros puderam expor os trabalhos já publicados.

“Pelo o que a gente já tinha visto nos anos anteriores, a feira desse ano está muito mais organizada. Ficamos felizes demais em poder participar e apresentar as obras das pessoas que escrevem sobre a nossa terra, tão rica e abençoada”. Disse a presidente da (AACLIG), Katia Regina Souza Lima.

“A valorização da educação é um pilar indiscutível da nossa gestão. Cuidar das nossas crianças hoje é trabalhar na formação de um cidadão que valoriza a família e a sociedade. A FLIG de 2022 está linda e entrará para a história da nossa cidade. Agora é trabalhar para preparar a Feira Literária de 2023 ainda maior”. Finalizou o secretário de Educação e Governo, Jales Lins.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Captcha Plus loading...

NOTÍCIAS RELACIONADAS